top of page
  • Foto do escritorAscom

Vereadora Leidiane promove dia de orientação e beleza as mulheres da zona rural de Capixaba

Cerca de 50 mulheres da Comunidade Campo Alegre, zona rural de Capixaba, celebraram o Dia Internacional da Mulher nesta terça-feira, 8, com orientação, café da manhã, almoço e serviços de beleza. A atividade foi promovida pelo gabinete da vereadora Leidiane Dorneles e Sindicato das Trabalhadoras Rurais de Capixaba, em parceria com o governo do Estado, com o Projeto Juventude Model CPXB e com a Igreja Missionária Pentecostal para as Nações.

A comunidade fica localizada na BR 317, km 103, em Capixaba. A Secretaria de Estado de Empreendedorismo e Turismo (Seet), em parceria com a empresa Chanceller Cosméticos, levou os serviços de corte de cabelo, hidratação, escova, manicure e pedicure e designer de sobrancelhas. A diretora técnica da Seet, Tatiane Belarmino, reforça que atividades como essas trazem dignidade e autoestima para essas mulheres do campo, que geralmente não são lembradas com essas festividades e eventos sociais. “Hoje é um dia muito importante. Precisamos lembrar que nós mulheres somos fortes e merecemos o melhor. Esse dia traz uma grande representatividade para todas nós”, enfatizou.

A vereadora Leidiane Dorneles frisou que o dia internacional da mulher, deve ser celebrado com muito amor, carinho e destaque e que todas as mulheres merecem o respeito, gratidão e reconhecimento.

"Quero parabenizar todas as mulheres e tudo que conquistamos até hoje. Continuaremos lutando. Nesta data recebam meu abraço e reconhecimento, e demonstrando nossa gratidão a vocês, estamos promovendo este dia de orientações e beleza para todas, fruto de uma iniciativa do meu gabinete e do sindicato rural de Capixaba, do governo do estado através da Seet, Iapen e da igreja Pentecostal para as Nações" finalizou a parlamentar.

Já o Instituto de Administração Penitenciária do Acre (Iapen/AC) colaborou com palestra de orientação sobre medidas de segurança e proteção de mulheres adotadas pelo governo, como o Sinal Vermelho e o Botão da Vida, além de falar da origem da Lei Maria da Penha.


“Esse é um dia que marca as lutas e o empoderamento feminino. Viemos dar a nossa contribuição falando dos direitos da mulher e dos mecanismos de defesa adotados pelo governo do Estado para proteção dela”, explicou o presidente do Iapen, Arlenilson Cunha.


Márcia de Paiva, moradora de Capixaba, ficou feliz por participar de um evento inédito na comunidade: “É a primeira vez que acontece um evento desse tipo aqui. As mulheres da zona rural são as que menos se cuidam, por isso é importante esse tipo de ação para resgatar a nossa autoestima”.


A Igreja Missionária Pentecostal para as Nações cedeu o espaço e o Projeto Juventude Model CPXB promoveu um desfile com jovens de Capixaba.


Galeria de Fotos


0 comentário

Comments


bottom of page